Concurso Público no Banco da Amazônia: leia o edital

O Banco da Amazônia (Basa) abriu concurso público com 46 vagas para os níveis de escolaridade médio e superior. Os candidatos que passarem nos testes serão chamados imediatamente e outra parte ficará no cadastro de reserva.

São 20 vagas para técnicos bancários, 1 para médico do trabalho e 25 para tecnologia da informação, sendo que os salários são até 2,8 mil reais, sem contar os benefícios previstos na CLT (Consolidação das Leis Trabalhistas).

Concurso Público no Banco da Amazônia

Os aprovados receberão os seguintes benefícios:

  • Auxílio-alimentação no valor de 1,3 mil reais,
  • Auxílio-creche,
  • Gratificações,
  • Plano de Previdência Complementar do Basa (PrevAmazônia),
  • Participação nos lucros.

As inscrições devem ser feitas até o final de abril e várias cidades do Nordeste vão receber as aplicações das provas, como Manaus, Palmas, Santarém, São Luís, Rio Branco.

PROPAGANDA

Como se inscrever para o concurso do Banco Amazônia?

Pessoas que se enquadram em programas de baixa renda podem solicitar a isenção da taxa pela internet, no site.

E as outras devem fazer o pagamento para confirmar a inscrição, sendo de 62 reais para os cargos de nível médio e 80 reais para os cargos de nível superior.

Banca Organizadora

A Cesgranrio já foi selecionada como banca organizadora do concurso público do banco Amazônia e, portanto, todas as informações (assim como o edital) também estão disponíveis no site da instituição.

“O Banco da Amazônia S.A realizará concurso público para provimento de vagas e formação de cadastro, mediante condições estabelecidas neste edital”, informa a banca ao dar a opção de acesso ao edital.

O edital deve ser lido por todos os interessados porque é nele que estão todos os dados acerca da prova e da futura convocação.

Nesse site também é possível acompanhar o requerimento de inscrição, fazer a reimpressão do comprovante ou do boleto, confirmar a inscrição, saber o local de prova e atualizar os dados cadastrais.

Com informações do Banco Amazônia

PROPAGANDA