Vagas de estágio no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) disponibiliza diversas vagas de estágios para quem quer entrar no mercado de trabalho e adquirir experiência profissional. As inscrições tem prazo para serem feitas, por isso, saiba como cadastrar o currículo.

E leve em conta que o processo seletivo do Mapa é destinado à muitas vagas porque não acontece anualmente. Neste ano (2018), o processo disponibilizou o preenchimento de mais de 780 vagas, sendo mais de 550 para o nível superior e outra parte para o nível médio.

Vagas de estágio no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento

As vagas de estágio para o nível médio são aquelas para estudantes do ensino médio e técnico em informática. Já os de nível superior são aquelas focadas em cursos de todas as áreas, humanas, exatas e biológicas. Além de que são para diversos estados do país.

Benefícios da Bolsa de Estagiário

Na última indicação de edital, que aconteceu neste ano (2018), para vagas de estágio no Ministério da Agricultura, o valor da bolsa para estagiários de nível médio ou técnico era de R$ 203 para 4 horas de trabalhou ou de R$ 290 para 6 horas de trabalho.

PROPAGANDA

Já para os estudantes de ensino superior, que são aqueles alunos de cursos de graduação, o valor da bolsa era maior, sendo de R$ 364 para 4 horas de trabalho e de R$ 520 para 6 horas diárias de trabalho – sempre de segunda à sexta-feira.

Lembrando que além do valor da bolsa estágio, o colaborador desse programa ainda recebia o valor de R$ 6 por dia, que era relativo ao transporte, chamado de auxílio transporte, sendo que ele poderia optar pelo meio.

Todos os valores pagos aos estudantes estão de acordo com as leis trabalhistas e também com as leis de estágio, sendo que os valores são pagos mensalmente conforme carga horária de trabalho, independente da região do país.

Inscrição para processo seletivo de estágio

No último edital lançado, as inscrições para participar do processo eram online, isto é, pela internet, sendo que o candidato não precisaria sair de casa para cadastrar o currículo para concorrer a uma das vagas abertas.

E todos os cadastros eram gratuitos. Hoje em dia as vagas são distribuídas entre as superintendências federais, os laboratórios nacionais, o instituto nacional e a comissão de planos do Mapa.

A dica é que o candidato tente observar qual é a empresa que organiza o processo seletivo, sendo que na maior parte das vezes, a responsabilidade fica por conta do CIEE (Centro de Integração Escola Empresa).

Então, mesmo que a inscrição seja online também dá para encontrar as informações na unidade física do CIEE ou da empresa responsável por gerir toda a convocação e o processo seletivo do estagiário.

Cadastrar o currículo para o processo seletivo

O cadastro do currículo, que nada mais é do que o preenchimento de várias informações pessoais é feita pelo site. E a partir disso, o interessado já está participando do processo, lembrando que ainda existem muitas etapas até a contratação.

Assim, ao fazer a inscrição para o estágio, o candidato que for selecionado pode realizar a prova, que quase sempre também é online e deve ser concluída em um período de tempo. A prova tem 30 questões, sendo que cada uma tem 4 alternativas.

Os assuntos tratados na prova são: língua portuguesa, informática, conhecimentos gerais e outras focadas na área do Ministério (Agricultura, Pecuária e Abastecimento).

Em caso de empate, existem requisitos que funcionam como critérios para a seleção, sendo: maior número de acertos em língua portuguesa, maior número de acertos em informática e o candidato com a maior idade também tem a preferência nesses casos.

O que estudar?

Quem for prestar a prova de estágio do Mapa deve se atentar aos temas, sendo que na área de língua portuguesa sempre são cobrados itens como acentuação, classe de palavras, coerência e concordância, figuras de linguagem, além os pronomes e ortografia.

Já no quesito informática, as questões mais usuais são de conhecimento básico no pacote Office, no Windows e no internet explorer, considerando também outros navegadores e redes sociais.

Por fim, sobre conhecimentos gerais, isso pode variar, mas sempre fique atento aos temas atuais, assim como voltados para agricultura, pecuária e abastecimento. Sendo que a prova é focada na interpretação de texto.

O tempo de duração do processo seletivo

Vale lembrar que quase sempre o processo seletivo do Mapa é para formar cadastro de reserva também, especialmente no caso dos estágios. Sendo assim, a validade é sempre de 12 meses, sendo que mesmo que não for chamado agora, o candidato pode ser chamado nesse tempo.

Esse tempo vale a contar da data da publicação do edital de homologação do resultado final, que é feito também em publicação no site. E as vagas podem ser preenchidas conforme a necessidade de cada órgão ou unidade.

Quem pode se candidatar as vagas de estágio

O interessado nas vagas de estágio do Ministério da Agricultura deve estar cursando o 1º ou 2º ano do ensino médio para os estágios dessa categoria. Sendo que os de nível superior devem ter concluído, ao menos, 30% de todo o curso.

Também é preciso ter disponibilidade final para estagiar por, ao menos, 6 meses nas unidades, sendo que a idade mínima é de 16 anos e o estágio nunca passa os 2 anos de contrato.

Sabendo disso, todo estudante pode cadastrar o currículo para participar do processo seletivo, sendo que além dos ótimos benefícios que o Mapa oferece, o estudante ainda vai ter a chance de estar em contato com muitos profissionais especializados para aprender novos assuntos.

PROPAGANDA