Trabalhe como freelancer 3x na semana e ganhe mais que 1 salário mínimo

O sonho de muita gente é trabalhar menos e ganhar mais. Por mais sonhador que isso pareça ser, saiba que hoje é totalmente possível. Não é raro encontrar pessoas que trabalham apenas 3 vezes na semana e ganham mais do que 1 salário mínimo.

Descubra o que é preciso fazer para ganhar dinheiro trabalhando menos e vendendo a sua hora de trabalho por um valor mais justo… A profissão de freelancer tem ganhado destaque porque dá as pessoas autonomia e flexibilidade na hora de ganhar dinheiro. Saiba mais.

Trabalhe como freelancer 3x na semana e ganhe mais que 1 salário mínimo

O que é um freelancer

O freelancer, ou freela, é o profissional que trabalha por conta própria e faz isso ao prestar serviços de modo autônomo, isto é, independente. Então, ele pode oferecer serviços para outras pessoas ou empresas e por períodos determinados.

Pegar um trabalho no final de semana, por exemplo, é um freela. Você pode estar morando na praia e de repente surge a oportunidade de prestar serviço de entrega de coco, então, você faz isso no final de semana e ganha pelos dias trabalhados, por exemplo.

ANÚNCIO

O fato é que ser um freelancer antigamente era algo visto com maus olhos. Só que essa realidade mudou. Os valores pagos e também a flexibilidade de horário de um freelancer tem feito com que muita gente abra mão do trabalho forma e tradicional para se tornar um freela.

E aqui entramos no ápice deste conteúdo, que é exatamente para falar sobre como é possível trabalhar bem menos (apenas 3 vezes por semana) e ainda assim ganhar mais do que 1 salário mínimo.

Como ser um freelancer

Não existe regra ou estudo que prove ou mostre o que fazer para ser um freelancer. Não tem faculdade de freelancer. O importante é saber que todo profissional, de qualquer área, pode atuar de forma autônoma.

Hoje em dia até os bancos contratam freelancers para prestar serviços – o que tem se tornado cada vez mais comum. Logo, os requisitos para ser um freelancer são: ser organizado, saber trabalhar bem e ter qualificação.

A partir disso, você será responsável pelos trabalhos que pega, desde a comunicação com o fornecedor até a entrega do produto final ao seu cliente. Ter disciplina para fazer apenas ao que está ao alcance também é um atributo importante.

Então, não tem como listar todas as profissões ou todos os trabalhos freelancers, já que são muitos. Desde o fotografo de festas de casamento até o cara que leva os cachorros para passear na rua. São muitas as opções – de verdade.

A conta

Para chegarmos ao ponto de trabalhar apenas 3 vezes por semana e ganhar mais do que 1 salário mínimo, vamos ter que recorrer às contas. Afinal, se está no título deste conteúdo, temos que cumprir o que prometemos.

Então, vamos levar em conta uma pessoa que ganhe R$ 2 mil de salário e trabalhe 40 horas semanais. Na conta, a hora da pessoa vale R$ 12,5. Isso quer dizer que tem muita gente trabalhando a um custo de R$ 12,5.

E 40 horas semanais é o mesmo que 8 horas por dia de segunda à sexta. Então, supondo que estejamos falando de trabalhar 3 vezes na semana, que pode ser sexta, sábado e domingo vendendo coco na praia, por exemplo.

Se trabalharmos as mesmas 8 horas por dia, nesses 3 dias, teremos um total e 24 horas. Então, para chegarmos a um valor acima de 1 salário mínimo, que hoje é de R$ 954, podemos considerar a conta de R$ 1 mil de renda e um pagamento de pouco mais de R$ 41 a hora.

Quem vai pagar R$ 41 a hora de trabalho?

A conta por hora significa que em 1 dia de trabalho, a pessoa precise ganhar pouco mais de R$ 300. E acredite, isso é totalmente possível hoje em dia. O fato é que a profissão de freelancer ainda está sendo estudada e não há normas sobre os valores ou os trabalhos.

Mas, é muito comum que um webdesigner cobre bem mais do que isso para criar um site, sendo que faz isso em apenas 1 dia. O mesmo vale para um redator, que pode escrever 5 textos à R$ 60 e receber os mesmos R$ 300 diários.

E, ainda existem outras profissões, que fogem do digital, como um cinegrafista de casamento, que cobra R$ 500 por noite e tem garçons especializados que em uma única noite ganha mais de R$ 300. O que prova que dá para ganhar mais do que 1 salário mínimo trabalhando apenas 3 vezes na semana.

Quanto vale a sua hora?

Um grande questionamento que se faz é sobre o fato de que vivemos em uma época que ainda está aceitando o trabalho do freelancer, que por sinal já ganhou o direito de ter “direitos”, como através do MEI.

Então, hoje o freelancer pode ser um MEI e aí pagar os impostos devidos e ainda ter direito à benefícios como a aposentadoria e também ao auxílio-maternidade, por exemplo. E aí, a pergunta que resta é sobre o valor da sua hora!

Existem muitas formas de ganhar dinheiro trabalhando como freelancer e é por isso que é cada vez mais comum encontrar pessoas trabalhando na praia ou trabalhando apenas 3 vezes na semana. A questão é saber valorizar o seu próprio conhecimento e a sua prestação de serviço.

No mercado que vivemos, existe a opção de se ganhar dinheiro ao trabalhar muito. Nesse caso, se ganha pela quantidade. Mas, também tem a opção de receber pela qualidade, então, se ganha ao trabalhar menos.

ANÚNCIO