Descubra o programa para quem busca uma vaga de primeiro emprego!

O mercado de trabalho está cada vez mais acirrado no país. Há pessoas que fazem cursos online para aprender mais. Outras preferem usar a experiência como diferencial. Mas, para quem nunca trabalhou antes, esse parece ser um problema que nunca tem fim.

A verdade é que existe um programa que é super indicado para quem está em busca do primeiro emprego, o jovem aprendiz. Ele tem o incentivo do governo federal e de grandes empresas de todos os setores do país. Conheça mais sobre ele e veja como se candidatar para as vagas abertas.

Descubra o programa para quem busca uma vaga de primeiro emprego!

Hoje em dia, no Brasil, quase todas as grandes empresas fazem a contratação desse tipo de funcionário, inclusive, com aparatos técnicos e profissionais à disposição, desde cursos até benefícios trabalhistas. Isso vale para bancos, restaurantes, redes e empresas de todas as áreas.

Como funciona o jovem aprendiz

O programa jovem aprendiz tem suas regras que devem ser cumpridas, já que está incluído na Lei da Aprendizagem e, portanto, é voltado para pessoas que nunca trabalharam antes – criando essa oportunidade incrível de entrar no mercado de trabalho mesmo sem experiência.

Uma das regras é a de que o período de contratação só pode durar por 2 anos, sendo que após isso a empresa pode optar por contratar o funcionário ou não. Além disso, há cursos de capacitação que estão inclusos no programa e sem custos ao funcionário.

PROPAGANDA

Agora, quanto aos requisitos é preciso muita atenção, já que apenas estudantes entre 14 e 24 anos podem participar. Logo, devem estar matriculados na escola e com boa frequência nas aulas e boas notas.

Do lado dos benefícios, o contratado recebe um salário compatível com as horas trabalhadas, que pode variar de 4 horas à 6 horas. Além disso, tem todos os direitos trabalhistas, como fundo de garantia, vale transporte, férias remuneradas, entre outros.

Como participar do jovem aprendiz

Para participar do programa, após saber que está dentro dos requisitos obrigatórios, o estudante deve considerar o processo de seleção, que inicia com o envio do currículo para as vagas abertas no programa, considerando que várias empresas participam.

Então, essas vagas estão inseridas e são divulgadas em assessorias de comunicação e na imprensa, além de serem informadas em jornais, na TV, no Facebook e assim por diante.

Geralmente, o cadastro do currículo é o primeiro passo do processo e isso quase sempre é feito de forma online, sem sites como o CIEE, SESI, Senac e o Sebrae, que são instituições parceiras do programa.

Uma boa dica para procurar as vagas de emprego abertas para o programa jovem aprendiz é buscar no LinkedIn e no Instagram as empresas que oferecem as oportunidades, lembrando que elas fazem processo seletivo durante todo o ano.

PROPAGANDA