Como arrumar um emprego na Itália?

Para os brasileiros que querem se aventurar e tentar oportunidades de vida melhores na Itália é necessário que se tenha a consciência de que é algo um tanto quanto burocrático, mas que vale muito a pena, ainda mais quando falamos de um país como esse!

Com uma bagagem cultural rica e sua gastronomia, arte e história conhecidas pelo mundo todo, muitos brasileiros levam em consideração a possibilidade de arrumar um emprego na Itália.

Como arrumar um emprego na Itália?

Nesse texto, iremos lhe ajudar a entender como se tornar um imigrante legal e conseguir uma vaga de emprego para trabalhar na Itália.

Conhecendo a Itália

A Itália é um país europeu que possui cerca de 60 milhões de habitantes. Faz fronteira com outro país muito conhecido mundialmente, a França.

A Itália é conhecida por sua rica história e principalmente por sua gastronomia apreciada por amantes da culinária. Além da gastronomia é muito conhecida por seus pontos turísticos, o mais conhecido deles o Coliseu de Roma.

ANÚNCIO

Quem permanece ilegal na Itália, dificilmente consegue um emprego seguro, com todos os direitos garantidos e com a segurança de que será pago por seus serviços prestados.

Além do fato de que imigrantes ilegais pagarem multa que varia de 5.000 euros e 10.000 euros.

Como ser um imigrante legal

Ao contrário do que muitos pensam, para conseguir trabalhar na Itália e se manter por mais de 90 dias no país, o primeiro passo a ser seguido é a solicitação de permissão de estadia.

E isso se faz com apresentação de documentos pessoais, como passaporte e comprovantes de renda e residência.

Passado esse prazo é necessário que o imigrante dê entrada na autorização de estadia e residência no país.

Outra opção bastante procurada por brasileiros que pretendem morar e trabalhar no país é dar entrada na cidadania italiana, já que o Brasil possui certa de 30 milhões de descendentes de italianos.

Esse direito é assegurado para todas as gerações e é necessário que seja apresentado uma série de documentos que comprovem tal descendência.

Salários e custo de vida na Itália

A Itália, diferentemente do Brasil, não possui salário mínimo definido e os valores pagos variam de acordo com o cargo desempenhado, formação e nível do trabalhador.

Os salários variam de 1.100 euros para trabalhadores menos qualificados e 2.500 euros para trabalhadores com maiores qualificações.

Com esse menor salário citado, consegue-se viver bem no país, mais sem muito luxo e conforme seu salário for sendo maior, melhores condições o trabalhador terá.

Como arrumar um emprego na Itália?

Algumas dicas importantes para sair na frente e conseguir um emprego na Itália fazem toda a diferença para agilizar o processo.

É importante saber a língua falada no país, fazer cursos de especialização ou até mesmo faculdade e já ter participado de trabalho voluntário.

Outro aspecto importante é a criação de um currículo dentro do padrão europeu, com informações sobre nacionalidade, idiomas fluentes na qual fala e experiências profissionais já adquiridas ao longo da vida.

Durante sua procura por um emprego, alguns sites podem ser bastante úteis, como o Indeed, Neuvoo, Cerco Lavoro, entre outros.

ANÚNCIO