3 dicas para conseguir uma vaga de trabalho de auxiliar de dentista

O trabalho de auxiliar de dentista é uma realidade em todo o Brasil e tem sido porta de entrada para muita gente que está fora do mercado. O profissional atua dentro de um consultório e tem direito a benefícios trabalhistas em lei. Além disso, o salário está acima do salário mínimo.

Mas, o que será que é preciso fazer para encontrar uma vaga de trabalho e ser contratado para essa função? Existem alguns passos que são bem simples de serem feitos e que podem ser determinantes para a sua contratação. Conheça-os!

3 dicas para conseguir uma vaga de trabalho de auxiliar de dentista

Existem cursos de auxiliar de dentistas disponíveis em todo o Brasil. Ele é um diferencial, mas na maioria das vezes, os consultórios exigem apenas que o interessado em trabalhar nessa vaga tenha o ensino médio – e muita vontade de trabalhar. Saiba mais sobre o cargo e veja como se candidatar.

Curso para auxiliar de dentista

O conhecimento sempre é visto como diferencial em uma entrevista de emprego ou durante uma análise de currículos. Sendo assim, existem sim cursos profissionalizantes para auxiliares de dentistas que podem ser diferenciais para a contratação do profissional.

ANÚNCIO

Ainda que nem sempre seja um requisito obrigatório, quem tem esse curso pode ter uma especialização na área. E o lado bom é que dá para fazer esses cursos de vários jeitos e, como é grande o número de opções, dá para escolher aquele que é ideal para você.

Para se ter uma ideia geral do valor desse investimento, saiba que esse curso voltado para o mercado de trabalho, chamado muitas vezes de “assistente de dentista”, pode resultar em ganhos salariais para os profissionais… Quanto ao valor, eles variam e vão até R$ 2,5 mil.

Mas, o que faz o auxiliar de dentista?

O auxiliar de dentista atua diretamente com o dentista, sendo responsável por lidar com operações que exigem capacitação ou, ao menos, conhecimento prévio do assunto. Então, ele atua em diversas frentes, como administrativas e organizacionais.

Por exemplo, ele pode ser o responsável por gerenciar a agenda do dentista, sendo que esse é o foco do trabalho. Mas, também faz a programação das atividades do consultório, como dia da limpeza, por exemplo.

Organiza a documentação dos clientes, controla o estoque de produtos, tem direito a funcionar o caixa do dentista, entre outras funções. Por isso mesmo, o auxiliar de dentista deve considerar o comprometimento e a organização como itens fundamentais para o seu dia a dia.

Salário de um auxiliar de dentista

O auxiliar de dentista, assistente de dentista ou auxiliar da saúde bucal pode ter um salário mensal de até R$ 3 mil conforme informações do Love Mondays, sendo que a média nacional, porém, é de R$ 1,4 mil.

O que é muito importante também de assuntar é sobre os benefícios que o trabalhador recebe. Por se tratar de um profissional que vai atuar em escritórios e salas médicas, o auxiliar de dentista deve cumprir horários, regras e tem benefícios por isso.

Geralmente contratado com carteira assinada, ele tem os direitos trabalhistas, como 13º salário, férias e o FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço). Tudo isso pode se somado ainda ao vale transporte e alimentação.

Agora, ao atuar nessa função, o profissional ainda ganha experiência para o mercado de trabalho, sendo que pode atuar em outras funções posteriores ou mesmo se interessar pela área e fazer um curso profissionalizante para ter melhores salários em novas atuações.

Conseguir uma vaga de trabalho

Antes de tudo, para conseguir uma vaga de trabalho na função de auxiliar de dentista, o interessado deve saber se essa é uma carreira para ele. Além disso, é preciso ter dedicação e conhecimento. Mas, existem também outras dicas para conseguir o trabalho, confira!

1 – Requisitos para a vaga

O 1º passo é saber se o interessado cumpre os requisitos para a vaga de trabalho aberta. Então, as vezes são exigidos cursos ou graduações, mas nem sempre. Também pode ser preciso conhecimento em informática, por exemplo. O jeito é ler o anúncio da vaga.

2 – Cadastro de currículo

O outro passo é fazer o envio do currículo para participar do processo seletivo, que pode ser por meio de entrevistas ou de análise de documentos. A dica aqui é preparar muito bem o currículo, inclusive, com informações verdadeiras.

3 – Entrevista de emprego

O 3º passo é estar preparado para a entrevista de emprego. Como? Conheça o consultório onde vai atuar, os dentistas, a profissão, saiba sobre o salário, benefícios e tenha disponibilidade para fazer testes ou treinamentos.

As vagas de trabalho de auxiliar de dentista

Um dos sites mais usados nos últimos dias para quem está em busca de oportunidades de emprego para a vaga de auxiliar de dentista é o BNE, que é nacional e divulga vagas abertas todos os dias – sendo que dá para receber alertas por e-mail também.

Para se ter uma ideia, em uma busca simples, dá para encontrar vagas de auxiliar de dentista em Minas Gerais, Paraná, São Paulo, etc. E na vaga de Minas, por exemplo, o valor do salário está acima da média, sendo de R$ 1,7 mil.

O interessado por essas vagas pode entrar no site e fazer a própria busca, sendo que dá para ordenar por maior salário ou últimas vagas. Aí, quando aparecer a vaga de interesse, basta ver mais os dados do anúncio ou da empresa. Para depois, se candidatar a ela.

Na hora de fazer a inscrição para a vaga, o que o interessado precisa? Fazer um cadastro gratuito, inserindo informações como nome completo, endereço de e-mail, número de celular, salário desejado, entre outras. Os próximos passos são: validação dos dados e aguardo do retorno da empresa.

ANÚNCIO