Saiba onde prestador de serviço pode trabalhar

Atualmente, ser um prestador de serviços formalizado é muito simples. Inclusive, é a melhor opção que muita gente tem para ganhar dinheiro tendo em vista o cenário econômico.

A ideia é a de ser o dono do próprio negócio. Aí, você pode escolher em quais horários trabalhar e onde trabalhar também. Claro que você vai ter que ter alguns diferenciais de mercado para ganhar contratos e ser o escolhido.

Saiba onde prestador de serviço pode trabalhar

Mas, onde essas pessoas podem trabalhar e para quem? A verdade é elas podem prestar serviços para qualquer outra empresa. Ainda mais quando são Microempreendedores Individuais e possuem CNPJ próprio.

A ideia de ser um MEI é uma boa alternativa porque o MEI tem um custo mais baixo e que dá direito à benefícios. Além disso, ele pode emitir notas fiscais, por exemplo.

Abaixo, você confere onde o MEI e outros prestadores de serviços podem trabalhar atualmente, considerando os níveis das empresas.

1 – grandes empresas

É raro quando se consegue trabalhar como prestador de serviço em grandes empresas. 

O motivo é que essas empresas preferem equipes maiores porque possuem demandas maiores também.

Geralmente, elas contratam outras empresas, menores, para a prestação de serviços.

Ainda assim, dependendo do seu serviço você pode tentar um trabalho como empresário. A melhor forma de fazer isso é através de indicações. 

Outra maneira é participando de processos licitatórios. Sim, o MEI pode participar desses processos. Aí, o prestador que apresentar a melhor proposta vence e fica com o serviço.

Dessa forma, considere que entre as grandes empresas estão as prefeituras locais e outros órgãos públicos também, além das empresas privadas.

2 – médias empresas

Diferente das grandes, as médias empresas são mais flexíveis para contratar prestadores de serviços. Inclusive, os MEIs. 

Aqui, quase nunca é exigido o processo de licitação.

Isso porque ela não tem a preocupação de fazer uma nova contratação no formato de CLT (carteira de trabalho).

Dessa forma, as médias empresas não tem os custos que teria com contratações CLT. E pode contratar prestadores de serviços de várias áreas. 

Assim sendo, optam por contratar pessoas da limpeza, entregadores, de TI, de manutenção, técnicos e publicitários, por exemplo.

E para conseguir emprego nessas empresas você vai precisar ter um bom portfólio, divulgar o seu trabalho ou ser indicado.

3 – pequenas empresas

As pequenas empresas também contratam prestadores de serviços. O custo mais baixo é a principal vantagem. Também não é preciso participar de licitações.

E elas podem contratar, inclusive, pessoas que colaboram com o crescimento da empresa, como contadores, por exemplo. Há casos de contratações por tempo, por trabalho ou até mesmo permutas.

Hoje em dia, aliás, há MEIs que podem trabalhar para outros MEIs, como na lei do Salão Parceiro. Nesse caso, o MEI dono do salão pode “contratar” outros MEIs profissionais da beleza, como cabeleireiros, manicures, etc.

O MEI

Vale lembrar que o MEI é apenas uma das formas que se tem de estar regularizado nos dias de hoje.

Assim, um trabalhador autônomo que contribui com a Previdência Social também pode trabalhar para outras empresas.