7 dicas de emprego para Nutricionista recém formado

Após a formação, nem sempre é fácil encontrar uma vaga de trabalho disponível no mercado. O assunto também é de interesse dos nutricionistas. No entanto, a boa notícia é que hoje em dia essa é uma área que só cresce devido à importância do tema da alimentação.

Assim, basta analisarmos o cotidiano e as notícias para ver que os nutricionistas estão abrindo campo em diversas áreas que antes não eram tão consideradas, como: esportiva, escolar, empresarial e não apenas no atendimento direto às pessoas.

7 dicas de emprego para Nutricionista recém formado

Para quem é recém formado em nutrição, mas ainda não conseguiu o tão sonhado emprego, existem algumas dicas que podem ser fundamentais para criar a experiência que o mercado exige e para abrir novas portas no mercado de trabalho. Saiba mais sobre essa incrível profissão.

O que o nutricionista faz?

A pessoa formada em nutrição é aquela que tem toda a capacidade para atuar diretamente com a questão da alimentação das pessoas. Assim, o foco sempre são as alimentações saudáveis e a reeducação alimentar.

Só que nem sempre é fácil conseguir isso, por isso mesmo, o nutricionista tem papel importante porque vai auxiliar as pessoas a conseguir encontrar os melhores meios para que essa dieta seja feita com eficácia e que seja boa para todo o organismo.

Como resultado, o nutricionista é um médico que acompanha os pacientes no desenvolvimento de uma alimentação balanceada e de acordo com o perfil dele, já que cada pessoa tem seus gostos, manias e vontades.

Também é importante ressaltar que o nutricionista é competente para criar receitas suplementares também, isto é, que sejam boas para o corpo humano de forma geral e não tenha a ver apenas com o emagrecimento.

Salário do nutricionista

O site Mundo Vestibular faz a pesquisa online com bases salariais em todo país, levando em conta os profissionais que estão atuando e as pretensões. Assim, a média de salário do nutricionista hoje em dia é de R$ 2,3 mil.

O valor pode ter base de R$ 1,7 mil e ir até os R$ 3,2 mil no mais alto patamar. Isso para profissionais recém formados. E esse profissional ainda tem benefícios que vão de acordo com o lugar onde trabalham, em casos de carteira assinada.

Também é importante dizer que os nutricionistas podem atuar por conta própria, em seus próprios consultórios e nesse caso estamos falando mais da questão do empreendedorismo, onde os salários podem ser bem maiores.

7 dicas para encontrar emprego

Para quem está recém formado e ainda não encontrou uma vaga de emprego, uma boa solução é reconhecer alguns campos que pode ser abertos nessa pesquisa por oportunidades. Listamos 7 dicas muitíssimo importantes. Confira!

1 – Áreas

Uma coisa bastante interessante que deve fazer parte da vida de um nutricionista é pensar fora da caixa, isto é, buscar as vagas no mais diversos segmentos porque a alimentação é importante para todo mundo: hospitalar, marketing, saúde pública, coletivo, esportivo, etc.

2 – Qualificação

O nutricionista formado nunca pode parar de estudar. Enquanto está em busca de uma oportunidade no mercado de trabalho, ele também pode optar por especializações, seja com pós graduação, cursos livres, entre outros.

3 – Networking

O networking também é importante para quem quer entrar no mercado de trabalho. Participar de lugares públicos e reuniões é uma forma de conhecer gente nova e encontrar oportunidades que o mercado de trabalho deixa escondido nas entrelinhas.

4 – Voluntariado

Uma boa dica enquanto não está inserido de forma profissional no mercado de trabalho é sobre fazer um trabalho de voluntário. Ainda que na maior parte das vezes esse trabalho não seja remunerado, essa é uma forma de ganhar experiência e abrir novas portas.

5 – Blogs

Em alinhamento com o voluntariado, outra opção é atuar escrevendo textos para blogs, mas que seja textos profissionais que agreguem valor aos leitores. Mesmo que não seja uma forma rentável de trabalhar, essa pode ser uma chance de ser reconhecido na área de atuação.

6 – Redes Sociais

Se o assunto é sobre emprego, considere estar dentro das redes sociais. Inclusive, o LinkedIn é uma plataforma que tem auxiliado milhões de pessoas em todo o mundo na busca por vagas de trabalho. Ele conecta pessoas e empresas. O Facebook também é uma rede importante.

7 – Currículo

Todo assunto que tem a ver com vagas de emprego passa pela montagem de um bom currículo. Isso quer dizer que as informações precisam ser verdadeiras e que é preciso caprichar ao máximo, tanto nas referências como na experiência.

Vagas de emprego para nutricionistas

Apesar de ser uma área onde as pessoas recém formadas costumam encontrar dificuldades para entrar no mercado de trabalho, considere que as vagas existem. O LinkedIn, por exemplo, conta mais de 990 vagas para a área da nutrição em todo o país.

O que é importante é o profissional saber buscar as oportunidades que tenha a ver com ele mesmo, considerando a região de atuação, a especialidade, o salário, os benefícios e tudo mais que é de competência dele e que vai agregar valor à carreira.

Como citamos as novas oportunidades do mercado, vale citar também uma vaga que está aberta para nutricionista em Poços de Caldas (MG), onde o profissional vai atuar na implementação do manual de boas práticas e informação nutricional em um Supermercado.

O salário não foi divulgado, mas os benefícios são de vale transporte, assistência média, assistência odontológica e cesta básica. O supermercado existe desde 1983 e é muito conhecido na região. Para saber mais sobre a vaga, entre no site do LinkedIn.