3 dicas para preencher uma vaga de bartender ou barman

Muita gente vê as vagas disponíveis para barman como oportunidades para ganhar dinheiro extra, isso porque os trabalhos acontecem, em grande parte, aos finais de semana. No entanto, tem muitos profissionais que se especializaram e hoje fazem do trabalho a principal profissão.

E a oportunidade realmente acontece porque o trabalho requer ensinamentos e aprendizados que podem ser conseguidos em cursos técnicos ou até mesmo online. Depois da teoria, o interessado pode partir para a prática e começar a fazer valer suas habilidades com os drinks.

3 dicas para preencher uma vaga de bartender ou barman

Saiba mais sobre a profissão (inclusive, entenda a diferença de barman para bartender) e veja como encontrar as vagas de trabalho no Brasil para esse cargo, que tem sido cada vez mais procurado por restaurantes, bares e festas.

Bartender ou Barman

Tem gente que acha que é a mesma coisa e tem gente que acha que não. O fato é que existe sim uma pequena diferença entre as duas profissões: a de bartender e a de barman. Assim, vamos entender por partes para que o interessado possa enviar o currículo da forma correta.

ANÚNCIO

O barman é aquela pessoa que é formada em cursos de coqueteleira e trabalha no estilo europeu, isto é, na preparação de drinks em hotéis, restaurantes e navios, por exemplo. Ele precisa estar sempre atualizado no assunto para aprender novas receitas.

Já o bartender é um atendente que trabalha em festas e baladas, de forma geral. Ele também prepara drinks, mas de forma menos elaborada e que foca na agilidade do processo para servir o público da melhor forma possível.

O bartender também pode ser do estilo “free style”, isto é, que preparam drinks diferenciados buscando o entretenimento do público e fazendo apresentações com mágicas, fogo ou flag, que são aqueles tecidos coloridos.

O que é preciso para ser bartender ou barman?

Independente de qual das profissões você tenha escolhido, saiba que existem características muito parecidas para todo mundo que vai trabalhar preparando e servindo drinks, como a pontualidade, que imprescindível para chegar ao trabalho no horário combinado.

Também é necessário saber trabalhar em equipe, já que a comunicação entre essas pessoas é fundamental. Para se ter um exemplo, o barman ou bartender tem que falar com o chefe de bar, o bar back e o copeiro que trabalham em comunhão.

Outra coisa importante para ser um bom profissional é saber sugerir os drinks e seus acompanhamentos, além de sempre prezar pela boa postura com o uniforme e nunca usar produtos sem qualidade que possam trazer problemas para os clientes.

Ao fim de tudo isso, o que vai diferenciar o bom profissional dos drinks é justamente o fato dele saber como preparar a bebida e como servir esses coquetéis, já que existe uma grande variedade de opções a serem feitas.

Curso para Barman

Como ultimamente esses profissionais têm sido muito buscados em hotéis, eventos e tudo mais que tem a ver com turismo e hospedagem, também começaram a aparecer vários cursos de barman, que tem valores variados e grades diferentes.

Esses cursos podem ser bons porque servem como diferenciais para aquelas pessoas que vão buscar uma vaga de emprego. Isso porque nos cursos, os alunos aprender a como serem bons prestadores de serviços e como atuar em bares e com o público.

A dica é buscar aquele curso que seja mais adequado para você, considerando valores, etapas, provas e certificados. Mesmo porque esse é um diferencial de mercado, mas nem sempre é exigido como requisito obrigatório para contratação.

3 dicas para preencher uma vaga

Separamos 3 incríveis dicas para todo mundo que quer trabalhar como barman ou bartender e ainda não sabe por onde começar. Considere esse tópicos e dê os primeiros passos para entrar no mercado de trabalho nesse ramo de atividade.

1 – Estudo

Como falamos, tem cursos disponíveis em todo o Brasil, inclusive, na internet. Então, estudar é importante porque vai dar teoria e aprendizado para quando o profissional for para a prática. Dá para aprender sobre drinks, cervejas, vinhos, etc.

2 – Experiência

Outro passo importante é sobre adquirir experiência na área e isso pode ser feito de várias formas, como atuando como garçom ou assistente de bar. Claro que no começo não vai se tão divertido, no entanto, dá para ir aprendendo ao visualizar outras pessoas fazendo o trabalho.

3 – Prática

Saindo do estudo e passando pela experiência, agora resta ir para a prática para arrumar o emprego de barman ou bartender. Então, é preciso praticar. Faça isso sozinho ou em um bar, já que vários oferecem treinamentos supervisionados.

Vagas abertas para Barman ou Bartender

Uma das maneiras mais clássicas de encontrar um emprego de barman ou bartender é indo até os lugares que fazem a venda desses drinks ao público, como bares, restaurantes, shows, eventos, casas noturnas, teatros, etc.

Lá dá para falar com o gerente e pedir uma oportunidade, lembrando que pode ser necessário fazer um teste antes de ser contratado. E também dá para trabalhar como freelancer em eventos particulares, a fim de ganhar um dinheiro extra.

Outra forma de buscar as vagas é através da internet, já que esse é um meio de comunicação dos mais usados na atualidade e que possui sites e redes sociais especializadas no assunto. Por exemplo, o LinkedIn, que disponibiliza diversas vagas todos os anos para todo o país.

Depois que encontrar as oportunidades nesses sites, basta fazer um cadastro breve de currículo e tudo online. Aí, ao preencher os dados pessoais, a empresa pode observar se o seu perfil se encaixa na vaga e se isso acontecer, o interessado é contatado para uma entrevista.

ANÚNCIO